Voltar

Notícias

(GERAL)
Sindusmad realiza censo para levantar situação do setor madeireiro no Nortão
Conhecer a atual situação do setor madeireiro na região e quais as dificuldades que ainda enfrenta depois das adversidades e transformações nos últimos meses. Este é objetivo do Sindicato das Indústrias Madeireiras do Norte – Sindusmad - que está realizando um censo nas indústrias madeireiras de Sinop e região. É o que explica o presidente em exercício do sindicato Sidnei Bellincanta.

O trabalho faz parte da implantação do Projeto Arranjo Produtivo Local da Madeira e Móveis, que foi lançado em março em Sinop, em parceria com a Secretaria Estadual de Indústria, Comércio, Minas e Energia, que apontará o perfil sócio-econômico das empresas, para que se adaptem a uma nova dinâmica de mercado. “Nossa principal preocupação é em conseguir novas alternativas para comercializar melhor a madeira e também o aproveitamento dos resíduos da madeira”, destacou.

Ele citou que muitos empresários ainda enfrentam problemas após a ‘Operação Curupira’ e a transição da gestão ambiental do Ibama para a Secretaria Estadual de Meio Ambiente (Sema), que aconteceu em janeiro. Para o presidente, mesmo que a nova gestão da Sema já apresente resultados, na prática ainda não está funcionando e deve levar cerca de dois meses.

Belincanta complementa que todas as indústrias madeireiras de Sinop, Feliz Natal, Vera, Cláudia, Colíder, Itaúba, entre outros municípios, serão visitadas. Só empresas associadas ao sindicato são 253. Esta é a primeira etapa de implantação do projeto. Outras etapas estão previstas, visando investir no desenvolvimento da qualidade e produtividade do setor industrial na região.

Dirigentes do Sindusmad e da secretaria também estão participando de encontros e conhecendo projetos desenvolvidos com resíduos de madeira, na Alemanha, coordenados pela Universidade de Freiburg, para que possam ser adaptados à região Norte.

O censo deve ser concluído em aproximadamente 45 dias.

Fonte: Só Notícias/Tania Rauber

Fonte:

Neuvoo Jooble