Voltar

Notícias

08
out
2020
(MADEIRA E PRODUTOS)
Em agosto exportações brasileiras de produtos derivados de madeira aumentaram 25,6 por cento em valor

Em agosto deste ano as exportações brasileiras de produtos derivados de madeira (exceto papel e celulose) aumentaram 25,6% em valor em relação a agosto de 2019, de US $ 233,5 milhões para US $ 293,1 milhões.

O valor das exportações de madeira serrada de pinho aumentaram 36% entre agosto de 2019 (US $ 35,0 milhões) e agosto de 2020
(US $ 47,5 milhões). Em volume, exportações aumentaram 56% no mesmo período, de 176.400 m3 para 275.300 m³.
 
Em contraste, o volume das exportações de madeira serrada tropical diminuiram 11%, de 41.300 m3 em agosto de 2019 para 36.600 m3 em agosto de 2020. O valor das exportações caiu, mas apenas cerca de 4% de US $ 15,3 milhões para US $ 14,7 milhões no mesmo período.

A receita de exportação de compensado de pinho aumentou 52% em agosto de 2020 na comparação com agosto de 2019, de US $ 39,3 milhões para US $ 59,9 milhões. Houve um aumento no volume das exportações, mas apenas 38% no mesmo período, de 73.900 m3 a 239.100 m3 sinalizando uma melhoria dos preços unitários.

As exportações brasileiras de compensado tropical aumentaram cerca de 2% em agosto mas o valor das exportações caiu quase 20% de 5.800 m3 (US $ 2,6 milhões) em agosto de 2019 para 5.900 m3 (US $ 2,1 milhões) em agosto de 2020.

Em uma nota mais positiva, as exportações brasileiras de móveis de madeira aumentou de US $ 47,1 milhões em agosto de 2019 para US $ 52,6 milhões em agosto de 2020, um aumento de quase 12%.

Fonte: ITTO/Remade

Neuvoo Jooble