Voltar

Notícias

10
ago
2020
(PAPEL E CELULOSE)
Pandemia do novo coronavírus interrompe altas dos preços da celulose

Pandemia do novo coronavírus interrompe altas dos preços da celulose na Europa, Brasil e China

A pandemia do novo coronavírus, por não ocorrer na mesma intensidade e implicar quarentenas de durabilidades distintas nos diferentes países, tem causado impactos diferenciados nos mercados de celulose, papel e madeiras, além de prejudicar a coleta de informações sobre os comportamentos dos preços desses produtos. Algumas fontes de informações, como o Royal Bank of Canadá e o Governo da British Columbia, interromperam as coletas de preços de alguns produtos que normalmente divulgamos nesta coluna, nos forçando a descontinuar temporariamente suas divulgações.

Pelo fato do sudeste asiático ter sido uma das primeiras regiões a adotar quarentena, em especial no primeiro trimestre deste ano, seus estoques de celulose foram bastante reduzidos, levando à retomada de fortes compras de celulose nos meses de março e abril passados, quando há expressiva alta de preços em dólar norte-americano de celulose e de pasta de alto rendimento na China. No entanto, nos meses de maio, junho e começo de julho deste ano há tendência de queda dos preços em dólar norte-americano desses produtos na China.

Fonte: Por CELULOSE ONLINE

Neuvoo Jooble