Voltar

Madeiras : Celulose

Polpa

Introdução

A madeira é feita principalmente de fibras celulosas aderidas umas às outras com uma "cola" chamada lignina. Para converter madeira em polpa, devemos então separadas estas fibras ou seja remover a lignina. Para isso existe algum processo para a obtenção da polpa:

Processo Mecânico

A polpa é obtida na prensagem dos troncos contra pedras de moer na presença de água. O processo pode ser mais eficiente se antes passar a madeira em refinadores. Muito freqüentemente, este desfibrar é terminado na presença de vapor e o produto é chamado de polpa termomecânica. A adição de reagente para a separação das fibras celulosas da lignina resulta em polpa termoquimimecânica. Podem ser usados estes tipos diferentes de polpas mecânicas, por exemplo, para fabricação de papel jornal.

Processo Químico

Polpa química (normalmente chamado de processo "KRAFT" que em alemão que dizer "FORTE"). Neste processo os cavacos estão misturados com substâncias químicas e cozido a alta pressão em imensos vazos de pressão chamados digestores. A ação combinada das substâncias químicas e o calor dissolve o lignina e as separa das fibras. Papéis feitos de polpa química são muito fortes. Por exemplo, eles são usados fazer bolsas de supermercado.

Processo por reciclagem

Reciclagem do papel é feito com aparas(pedaços de papel) misturando água e desintegrando em pulpers (liqüidificadores enormes). Contaminantes (plástico, metal, copo, polyetileno, etc.) é afastado da mistura usando telas e limpadores. Se necessário, da polpa resultante é feito a retirada da tinta pela ação combinada de água, substâncias químicas, calor e energia mecânica. A polpa reciclada é usada freqüentemente para fabricar papel cartão, papel jornal como também papéis usados na industria e nos lares como: papel higiênico, toalhas, lenços e guardanapos de papel, e assim por diante.

Fonte: celulose0nline

Anuncie RM Neuvoo