Voltar

Madeiras brasileiras e exóticas

Pupunharana

Nome científico
Duckeodendron cestroides Kuhlm. Duckeodendraceae

Distribuição geográfica

Ocorre nas florestas de terra firme nos Estados do Amazonas e Pará.

Denominações Vulgares
Pupunharana, pincel de macaco.

Descrição da árvore
Altura (m): 30,0 - grande porte
Diâmetro (m): até mais de 1,0
Tronco: com grandes sapopemas, volumoso.
Casca: fissurada e lenticelada.
Folhas: folhagem densa, alternas curto-pecioladas. Lâmina foliar glabra em ambos os lados, olivácea, página superior mais ou menos amarelada e vernicosa, obovado-oblonga, de ápice obtuso, margem inteira, revoluta; nervura mediana imersa na página superior e proeminente na inferior; nervuras secundárias salientes em ambos os lados, ascendentes, soldando-se à pequena distância da margem. lnflorescências cimosas, pau-cifloras, pilosas, com pedúnculo curto e pequena bractéola. Flores esverdeadas com tubo longo, glabra na parte externa e internamete pubescentes, prefloração imbricada. Fruto drupáceo, alaranjado quando maduro, oblongo, quase cilíndrico, com endocarpo, 2-locular, duro e externamente fibroso; semente única, fusiforme com testa crustácea; cotilédones enrolados ou dobrados. Os frutos, embora atraentes, geral-mente são repelidos pelos animais de caça permanecendo sob a copa da árvore até a decomposição do mesocarpo, restando apenas o endocarpo revestido de fibras aparentando um “pincel”.

Características da Madeira
Peso específico básico (g/cm³): 0,65 a 0,70 - moderadamente pesada
Cor do alburno e cerne: amarelo quando recém cortado tornando-se depois bege claro
Grã: direita
Textura: média
Cheiro e gosto: sem
Trabalhabilidade: é fácil de trabalhar e recebe bom acabamento.
Poros: visíveis a olho nu, pouco numerosos, médios a grandes, solitários, múltiplos ou em cadeias radiais, vazios ou obstruídos por tilos.
Linhas vasculares: vistas a olho desarmado, altas e retilíneas.
Figura radial: visíveis apenas sob lente, finos e numerosos
Figura tangencial: são baixos e irregularmente dispostos.
Parênquima axial: difuso ou ainda em linhas muito finas, concêntricas, tendendo a compor um retículo irregular com os raios.
Camadas de crescimento: pouco distintas, demarcadas por zonas de tecido fibroso.

Usos indicados
Marcenaria, palitos, tamancos, esquadrias, forros, caixas, brinquedos.

Anuncie RM Neuvoo