Voltar

Madeiras brasileiras e exóticas

Envira bobó

Nome científico
Guatteria olivacea R. E. Fries Annonaceae

Distribuição geográfica

Habita a mata primária e secundária de terra firme nos Estados do Amazonas, Pará e Acre.

Denominações vulgares
Envira, Envira bobó.

Descrição da árvore
Altura Comercial (m): 20-30
Diâmetro (cm): 30
Casca: grossa de coloração esverdeada
Folhas: simples, alternas, longo-pecioladas; Flores axilares, hermafroditas, com pétalas iguais, de coloração ferrugínea. Fruto apocárpico, baciforme.

Característica da madeira
Densidade: média
Alburno: cor amarelada
Cerne: cor amarelada
Grã: regular
Textura: média
Cheiro e gosto: imperceptíveis
Trabalhabilidade: fácil de trabalhar e muito atrativa quando valorizados os raios largos que apresenta
Poros: vistos a olho nu, pequenos e grandes, poucos, solitários e alguns múltiplos de 2-3 e raros de 4. Linhas vasculares bem demarcadas, retas e longas, apresentando conteúdo.
Figura radial: visíveis mesmo sem lente, largos.
Figura tangencial: são destacados, muito altos dispostos irregularmente.
Parênquima axial: distinto apenas sob lente, em linhas finas, formando retículo escalariforme com os raios.
Camadas de crescimento: demarcadas por zonas de tecido fibroso.

Usos indicados
Móveis e artigos decorativos, utensílios de cozinha, caixotaria, brinquedos, caibros, laminados decorativos.

Neuvoo Anuncie RM