Voltar

Madeiras chilenas e exóticas

Tepa

Tepa Região de ocorrência:
O Tepa é uma espécie endêmica, de folhagem sempre verde que cresce muito bem em lugares úmidos e em chãos fundos. Está entre o Província de Arauco VIII Região até a Província de Aysén na XI Região do Chile. Nas províncias de Llanquihue e Chiloé na X Região cresce ao nível do mar e ao longo de ambas as cordilheiras para mais de 500 metros no nível do mar. As folhas são simples, muito aromáticas ao quebrar, elas são bem parecidas a do Laurel, mas a Tepa tem folhas com uma borda mais serrada, com os dentes muito juntos e afiados, que também é conhecido como Laurela ou Laurelina. A cor é verde brilhante e a floração dura de outubro até novembro, com flores verdes. Esta espécie alcança uma altura de 30 metros.

Descrição da árvore:
A madeira do Tepa é considerada como uma madeira leve, que vai do cinza para o marrom claro amarelado. Os anéis de crescimento são à primeira vista distintos. Na madeira de Tepa freqüentemente apresenta manchas escuras ou cinza, decorrentes de ataques de cogumelos causados pela armazenagem errada ou ter sido deixado o tronco durante muito tempo na floresta, em contato com a terra e a umidade. Em certas ocasiões estas manchas impedem a comercialização da Tepa. Os raios da medula são heterogêneos, e eles podem ser uniseriados, biseriados ou triseriados. A madeira é muito fácil de trabalhar, colar e escovar. Recentemente cortada ou durante esse processo apresenta um cheiro muito desagradável, originado por substâncias da árvore como óleos, terpentina e outros.

Secagem:
No processo de secagem natural o Tepa não apresenta nenhum problema, desde que se cumpram todas as exigências para uma boa secagem natural, precisando pouco menos de 1 ano para centímetro de espessura, alcançando a umidade final de uns 15 a 18% no sul do Chile. No processo de secagem artificial é uma madeira fácil de secar. Entre os defeitos principais que podem ser apresentados depois do processo contam algumas rachas na face, na cabeça. Uma vez seca, é muito estável em suas dimensões e sua reação para a influência da umidade é muito leve. É recomendado que a temperatura média secante não excede o 65º a 70º C.

Resistência:
Em relação à resistência contra cogumelos e insetos, não é classificada como uma madeira resistente. A resistência contra a umidade permanente é baixa, recomenda-se um bom tratamento superficial. A absorção desta madeira para impermeabilizantes é boa, ainda mais quando a penetração é regular. Para o tratamento superficial, são obtidos resultados muito bons com aplicações de pintura, verniz, lacas e nogalina em exteriores e em interiores de óleo lixado. Ocacionalmente é apresentado problemas com nogalinas devido às manchas que acontecem. Depois do tratamento superficial da madeira de Tepa com óleo lixado, e com uma seleção boa da madeira, é muito fácil de confundir o Tepa com o Laurel porque elas adquirem tons bem parecidos.

Indicações de uso:
Uma vez seca a madeira de Tepa, possui características excelentes para trabalhos de carpintaria interior e qualquer tipo de terminações, para portas, pisos, paredes, forros para interior e exterior, para a produção de tábuas, chapas, peças de arte e tornearia. Também é usado na fabricação de embalagens, moldes, gavetas, barras e anéis para cortinas.

Fonte: chilexport.com
Neuvoo Anuncie RM