MENU
Bambu
Capacitao
Colheita Florestal
Desenvolvimento
Editorial
Energia
Espcie Guapuruvu
Eucalipto
Mveis & Tecnologia
Produtividade
Recursos Humanos
Secagem
E mais...
Anunciantes
 
 
 

REVISTA DA MADEIRA - EDIÇÃO N°92 - OUTUBRO DE 2005

Recursos Humanos

Manter a motivao o desafio das empresas

No basta despertar a motivao nos colaboradores, preciso mant-la e esse o maior desafio das empresas contemporneas. Segundo especialistas da rea de Recursos Humanos preciso criar um ambiente motivacional, ou seja, um local onde se encontram bons motivos para agir. Neste ambiente o colaborador se sente confiante para enfrentar os desafios e percebemos a repercusso positiva do seu esforo. As empresas costumam contratar palestrantes para tentar dar uma injeo de animo, mas por melhor que seja o profissional, pouco efeito o contedo motivacional ter se o ambiente de trabalho for desmotivador.

O prazo de validade de um produto perecvel est intimamente ligado ao ambiente de conservao, o mesmo acontece com a motivao que precisa de um ambiente que fornea subsdios motivacionais, ou seja, bons motivos para ao.

Neste sentido, existem duas ferramentas que podem contribuir de forma significativa na construo de um ambiente motivacional, so elas: os exerccios de criatividade e o painel motivacional.

Para encontrar bons motivos para agir o colaborador necessita de criatividade, via de regra o indivduo mais criativo mais motivado, pois, em funo da sua capacidade criativa consegue enxergar mais alternativas diante dos problemas. Ainda so poucas as empresas que investem em programas de incentivo a criatividade. As empresas intolerantes aos erros de seus colaboradores inibem iniciativas criativas.

A capacidade de inovao da empresa tm se mostrado determinante para a sobrevivncia das empresas e a manuteno do clima motivacional. Para comear a implementar esta idia recomendado refletir sobre as sugestes criativas que a empresa recebeu no ltimo ano e quantas delas foram implementadas.

Painel motivacional

Basicamente o painel motivacional um quadro onde divulgado uma srie de indicativos de desempenho, principalmente qualitativos que d uma idia precisa de como est a situao e o quanto a empresa avanou num determinado perodo. ele que informa a distncia que a empresa est do alvo.

O painel motivacional oferece subsdios motivacionais e fornece uma viso clara da situao que traz segurana para a implementao das solues. Quanto maior for nmero de indicativos de desempenho principalmente qualitativos mais qualificados sero os motivos para ao.

Um painel motivacional inteligente aquele que controla os fatores que interferem no resultado. Jamais um tcnico de futebol consegue definir uma estratgia de jogo baseando-se apenas no placar. Ele precisa saber mais sobre o comportamento e o processo, quantas bolas foram chutadas ao gol, nmero de passes perdidos, quanto tempo o seu time ficou com a bola dominada, e outros detalhes. So essas informaes que do subsdios motivacionais e segurana na estratgia.

Estudos indicam que o investimento em Ambiente Motivacional cinco vezes mais rentvel que qualquer outro tipo de investimento nesta rea. A idia central baseasse no seguinte conceito: Mostre-me como sou avaliado e me de condies para exercitar a minha criatividade que eu te apresento os resultados.

De acordo com o consultor Dermeval Franco seminrios, palestras e cursos, isoladamente, no motivam ningum. O mximo que fazem criar um "amortecedor" temporrio nas pessoas e aliviar, nas chefias, a responsabilidade por incentivar e reforar o comportamento positivo no dia a dia de trabalho. Para ele motivao um processo, no um evento isolado onde aperta-se um boto e pronto. O funcionrio est motivado.

Motivao conseqncia, no causa. Falta de motivao est em algum lugar da empresa. Pode estar na estrutura organizacional ou nos processos de trabalho. No so sorrisos que encantam clientes, mas processos bem desenhados e orientados para a satisfao dos clientes (internos e externos). A burocracia uma ducha de gua fria na motivao.

Fatores desmotivadores

Quando a empresa contrata algum, esta pessoa entra naturalmente motivada. Disposta a contribuir, rezar o tero da organizao e com grandes expectativas de crescer com a empresa. O que faz com que estas pessoas se desmotivem com o passar do tempo so trs coisas:

Primeiro, a falta de perspectiva de futuro, da rotina enfadonha do trabalho, da falta de reconhecimento e, at mesmo, da falta de conhecimento da empresa onde trabalha. Por isso importante que as empresas faam um bom endomarketing de seus "produtos" e "servios" da sua imagem, de suas polticas de RH, da sua misso e de seus valores. A empresa deve mostrar que possui "produtos e servios" muito bons e competitivos. Agora, se no tem, so pobres ou fracos, est na hora de pensar seriamente na contribuio do RH para o negcio da empresa.

O segundo motivo que leva desmotivao na empresa so os processos de trabalho. Por mais boa vontade e competncia que um indivduo possa ter, ele no resiste a um processo de trabalho defasado, burocrtico ou desenvolvido para atender os interesses da direo.

O terceiro a falta de reconhecimento pelo trabalho. Para a motivao se manter preciso manter o reconhecimento pelos bons resultados conseguidos pela equipe, no apenas nas primeiras vezes, mas sempre.

Para motivar as pessoas basta desenvolver programas de reconhecimento instantneo

Eis os locais para procurar a motivao perdida. O endereo, quase sempre, est no estilo de liderana. O que faltam aos chefes so instrumentos que torne o ato de liderar algo palpvel, mensurvel, tangvel e agradvel. As pessoas desejam ser reconhecidas, valorizadas e recompensadas pelo que fazem. Os chefes tambm. E isto somente ocorre, quando feito o reconhecimento instantneo.

Para motivar as pessoas basta desenvolver programas de reconhecimento instantneo como, por exemplo, cheques reconhecimento, brindes, ingressos para teatro, futebol, um dia de folga, um ms de estacionamento grtis, enfim. So muitas e simples as maneiras de reconhecer e valorizar o comportamento positivo dos funcionrios. Mas lembre-se, no se trata de uma campanha. Portanto, elabore o seu programa e treine as chefias para utiliz-lo de forma justa e honesta. s aguardar os resultados positivos.

Programas gerenciais so vlidos, importantes e do solidez a cultura organizacional, mas no dia a dia que as pessoas, lderes ou no, demonstram as suas habilidades, o seu conhecimento e, principalmente, as atitudes vencedoras e motivadas. O desafio da liderana reforar continuamente os comportamentos e as atitudes positivas dos funcionrios. Manter a motivao em alta no fcil e exige a mesma ateno dada ao caixa da empresa.

Motivao no problema

Segundo a professora e pesquisadora Hilda Maria Rodrigues Alevato, da UFF - RJ que dirigiu uma pesquisa sobre a motivao no trabalho, a motivao no problema. Ela cita que: ainda hoje muitos acreditam que a motivao seja uma espcie de qualificao especial, indispensvel para a realizao de qualquer tarefa. Hilda diz que em suas palestras e contatos com empresas, a chamada "falta de motivao" ou "desmotivao", , sem dvida, a caracterstica mais citada dos ambientes de trabalho em crise.

Outras pesquisas de autores dos Estados Unidos revelam ser a motivao uma atitude que faz parte das nossas emoes, ento, diz o estudo, as pessoas no podem estar motivadas o tempo todo, e sim passamos por diversos estgios que vo desde a desmotivao total at a motivao eufrica, tudo isso dependendo conforme os princpios da ao e reao do nosso organismo, pessoa, ambiente, situao, etc. Uma emoo, tal como o medo, a raiva, etc., natural e faz bem ao ser humano.

A inteligncia emocional, tambm estudada em todo o mundo, principalmente nos EUA, ajuda a indivduo a conviver com as emoes para poder produzir melhor.

A motivao algo que brota mais do corao que da mente das pessoas. Ningum tem o poder de motivar ningum. O que podemos fazer, quanto muito, sensibilizar as pessoas, tocando algo dentro delas que as leve, por si prprias, a abrirem esta porta

A motivao uma porta que s abre por dentro. algo que brota mais do corao que da mente das pessoas. Ningum tem o poder de motivar ningum. Motivao sempre automotivao, pois a pessoa, a cada momento, que faz a escolha. Podemos, quanto muito, sensibilizar as pessoas, tocando algo dentro delas que as leve, por si prprias, a abrirem esta porta.

Motivao verdadeira no ameaar, sutilmente ou no, as pessoas com penalidades: isto provocar o medo, a ira, a humilhao. A melhor imagem que representa uma pessoa motivada um autntico sorriso no rosto. A alegria o melhor sinal da motivao.

Existem recursos perenes e volteis para a busca da motivao. Os perenes se conectam as causas, ao passo que os volteis se ligam mais aos efeitos. Palestras, encontros e workshops de motivao tm impactos altamente positivos, trazendo percepes novas sobre as tarefas, os relacionamentos, os desafios, a viso nova que se pretende implantar. Tem um poderoso efeito motivacional, mas, por si s, so efmeros, um "fogo de palha", se no forem persistentemente apoiadas por aes que assegurem a perenidade da motivao (isto entendido por todos, mas dificilmente praticado: assume-se que a "palestra motivacional" resolver o problema da motivao). Quanto mais a palestra ou workshop estiver ligada, alinhada e integrada realidade concreta de uma equipe ou empresa, maior a possibilidade de no estarmos criando uma "ilha da fantasia" e podermos construir pontes para a realidade do dia-a-dia.

Os lderes no tm poder de motivar ningum, mas podem criar as condies para que as pessoas se motivem. Eles tm, no entanto, um enorme poder para muito facilmente "desmotivar". Na busca da motivao de suas equipes, os lderes podem criar condies para que ela floresa. o papel do jardineiro, que prepara a terra, aduba, semeia, rega, tira as ervas daninhas, afasta as pragas para que a motivao floresa. Os recursos perenes para a verdadeira e total motivao indicam que os lderes devem assegurar os seguintes pontos, oferecendo condies para que as pessoas:

Sintam-se participantes, conectadas e orgulhosas quanto aos propsitos de suas reas, unidades de negcio e empresa.

Tenham o treinamento e a capacitao para as tarefas que executam.

Tenham as informaes, equipamentos, ferramentas e materiais para o desempenho de seu trabalho.

Tenham o reconhecimento emocional (reforo positivo) por resultados destacados que atingiram.

Tenham a recompensa material proporcional contribuio que trouxeram salrios, benefcios, bnus, prmios, participaes, etc.

Tenham a possibilidade de auto-realizao, de crescer e de se desenvolver tanto como pessoas, tanto como profissionais.

Tenham a possibilidade de criar, influenciar e melhorar processos, relaes e ambiente de trabalho.

Sintam-se integrantes e participantes das equipes.

Integrando causas e efeitos, com aes perenes e volteis, a motivao vir com toda a certeza, e com ela a correspondente contrapartida de dedicao, desempenho, entusiasmo e alegria.

Fontes: Gustavo G. Boog - diretor da Boog & Associados e terapeuta organizacional e autor de diversos livros sobre gerncia e desenvolvimento pessoal -

Dermeval Franco -Administrador e Consultor da Danton Velloso & Consultores Associados

Drcio Corra Jr. Consultor empresarial.