MENU
Adesivos
Biomassa
Carbono
Competitividade
Editorial
Financiamento
Leis Ambientais
Madeira Tropical
Mercado
Mveis e Tecnologia
Painis
Par
Poltica
E mais...
Anunciantes
 
 
 

REVISTA DA MADEIRA - EDIÇÃO N°72 - MAIO DE 2003

Financiamento

Novas linhas de crdito para o setor

O Banco Regional de Desenvolvimento do Extremo Sul (BRDE) aprovou uma nova poltica operacional para o setor de reflorestamento, atravs de uma linha de crditos com juros mais baixos do que os praticados no mercado em longo prazo. Os financiamentos so de at R$ 150 mil e tero um prazo de pagamento de at 12 anos, com at oito de carncia, dependendo da necessidade tcnica do projeto. Os juros so de 8,75% ao ano.

Empresas de qualquer porte, associaes e cooperativas de produtores rurais, alm de pessoas fsicas com efetiva atuao no segmento agropecurio podem apresentar projetos ao BRDE. As exigncias so de que os projetos sejam apresentados sob responsabilidade tcnica de profissionais habilitados, como engenheiros florestais ou agrnomos. Os projetos tem que atender as normas da Legislao Ambiental e do Cdigo Florestal vigente.

Atualmente o dficit de madeira na Regio Sul de 60 mil ha/ano. No Brasil, este dficit de 300 mil ha/ano. So cortados cerca de 450 mil ha/ano e plantados apenas 150 mil ha/ano.

Nmeros do setor

Dfit anual no Sul

60 mil/ha

rea cortada

450 mil/ha

rea plantada

150 mil/ha



Exportaes

Outra linha de crdito, voltada a rea de exportao est sendo oferecida pelo BNDES. Trata-se do BNDES-Exim. A Instituio est passando por uma reestruturao, com objetivo de adaptar-se forte demanda por financiamentos exportao, que devem responder por mais de 40% do oramento de investimentos do Banco Nacional de Desenvolvimento Econmico e Social (BNDES). Isso equivale a cerca de R$ 13,6 bilhes em emprstimos a operaes de comrcio exterior em 2003. No ano passado foram liberados R$ 8 bilhes.

Nos primeiros trs meses deste ano, os desembolsos do BNDES-Exim em operaes de pr-embarque cresceram significativamente. As liberaes do pr-embarque somaram R$ 947 milhes, com alta de 200% sobre os R$ 324 milhes liberados em igual perodo de 2002.



Financiamento Ao Plantio Florestal

Alternativas para o pleno funcionamento dos programas de financiamento ao plantio florestal (Pronaf Florestas e Propflora) foram debatidas no workshop Financiamento para Pequenos e Mdios Produtores Florestais, que se realizou na sede da SBS, em So Paulo. Participam das discusses representantes dos Ministrios do Meio Ambiente, da Agricultura, do Desenvolvimento, Indstria e Comrcio Exterior e Ministrio do Desenvolvimento Agrrio, alm do BNDES e instituies financeiras privadas, indstrias consumidoras de madeira e produtores. Segundo Antonio Carlos Valena, do BNDES, at agora foram aprovadas somente 10 operaes no mbito do Propflora, no total de R$ 920,5 mil. Os recursos disponibilizados pelo BNDES para operao desta linha por bancos pblicos e privados, porm, totalizam R$ 60 milhes. A demanda certamente foi maior que o total liberado at agora, conforme o coordenador de anlise econmica da Secretaria de Poltica Agrcola, Wilson Vaz de Arajo, que lamentou o desinteresse de vrios bancos na operao. O Banco do Brasil, segundo ele, inclusive participou da elaborao do programa.

Maio/2003